Contusões


     Contusão é o nome dado a uma lesão sem abertura da pele, portanto, quando há sangramento, é apenas interno. É causada por uma pancada e a lesão pode ser superficial ou mais profunda, dependendo da intensidade do impacto. Na superficial, ocorre apenas dor, edema (inchaço provocado pelo estravazamento de líquido dos tecidos) e eritema (vermelhidão causada pela dilatação de vasos sanguíneos do local). Na profunda, ocorrem equimoses e até hematomas. Equimoses são arroxeamentos da pele, provocado pelo sangue que se espalha pelo local. Hematomas são acúmulos de sangue em um tecido, sem se espalhar (um exemplo são os "galos" que surgem após uma pancada na testa). Essas contusões não trazem riscos a vida do acidentado, exceto quando a pancada ocorre em locais específicos, como cabeça, tórax e abdomen, pois, nestes casos, podem ser lesados órgãos internos. Portanto, se o impacto for intenso nessas regiões, um médico deve ser consultado. Caso contrário, medidas simples podem ser adotadas:

- Nas primeiras 24 horas, após o acidente, deve-se fazer repouso da parte atingida. Compressas frias (água gelada ou gelo) aliviam os sintomas, pois diminuem o extravazamento de líquido e de sangue.

- Após esse período, compressas quentes (e úmidas) são mais eficientes, pois aceleram a reabsorção desses líquidos.

- Caso persistam os sintomas e as dores, procure auxílio médico.


Autor: Wésley de Sousa Câmara


Referência:

Manual de Primeiros Socorros. Núcleo de Biossegurança (FIOCRUZ). 2003 - Ministério da Saúde.